Bolinha nos lábios: Entenda o que pode ser

Tempo de leitura: 4 min

Escrito por lucas
em novembro 30, 2022

Com o passar do tempo, ao longo da vida, muitas pessoas desenvolvem bolinha nos lábios é extremamente comum e importante, e pode ser considerado como herpes labial. Essa doença é causada pelo vírus da “herpes simples” e produz lesões de pele.

Geralmente, ele se manifesta com uma pequenas bolinhas, com conteúdo líquido, que é chamado de vesículas. Essas vesículas se agrupam antes de surgir as lesões próximo aos lábios, a pessoa sente um formigamento, uma dor e surgem as lesões de pele.

Depois de um tempo essas bolinhas nos lábios se rompem, formam algumas crostas e isso, na sequência, cicatriza ao longo de alguns dias. Então, o herpes labial geralmente melhora espontaneamente, mesmo que a pessoa não faça nenhum tratamento, ele tende a se curar.

O vírus do herpes fica alojado no nosso organismo nas raízes nervosas, então a pessoa apresenta os sintomas, juntamente com as lesões.

Depois de alguns dias as lesões cicatrizam mais em algum momento no futuro ela tende a aparecer novamente, por isso é extremamente importante manter o acompanhamento com o dentista do plano saúde dental.

Como o vírus da herpes é causado?

Primeiramente a pessoa precisa entrar em contato com vírus, então é uma lesão causada pela pele e a pessoa precisa ser infectada, a forma de transmissão mais comum é por gotículas e mais frequentemente as pessoas entram em contato com esse vírus ainda na infância.

As lesões se manifestam na mucosa dos lábios, ela cicatriza e o vírus fica “adormecido” nas raízes nervosas, em algumas circunstâncias, o aparecimento do vírus pode estar associado com:

  • Diminuição de imunidade;
  • Ter passado por episódio de estresse;
  • Exposição solar;
  • Quando a pessoa passa por outro tipo de infecção;
  • Mão na boca (no caso das crianças).

Todas essas questões podem ativar o vírus e ele voltar a fazer a lesão de pele, então essas lesões ficam recidivante, a intensidade é a frequência dessa recidiva, varia muito entre as pessoas, por isso é extremamente fundamental fazer o acompanhamento com o dentista do plano odontológico empresarial.

Quais são as formas de tratar ou amenizar a herpes labial?

A primeira coisa é evitar de ficar apertando e tentando romper as vesículas, ou manipulando-as, isso pode às vezes até gerar uma infecção no local e agravar, dificultando a cicatrização. Em última instância, se nada for feito, o episódio vai se resolver por si só.

Porém, existem medicamentos antivirais que podem reduzir o tempo dessa manifestação, geralmente Quanto mais precocemente a pessoa começa a tomar o medicamento, melhor vai ser o efeito. 

Então, medicamentos da família do aciclovir, remédio responsável para o tratamento de herpes, podem reduzir o tempo do herpes labial, mas antes de descer medicar é importante passar na consulta com o dentista do plano odontológico bom.

Também pomadas, com medicamentos semelhantes, porém a eficácia nesse caso é bastante reduzida, então uma pessoa que apresenta episódio de herpes simples eventualmente pode até nem tratar ou fazer o tratamento medicamentoso para reduzir o tempo de manifestações.

Isso é importante porque geralmente essas lesões, além de ter a questão da dor, do incômodo, esteticamente também as pessoas se incomodam ou ficam com vergonha das lesões.

Então esse tratamento pode ser feito, mas é importante ressaltar, que as orientações do especialista devem ser seguidas. Isso é importante para o paciente buscar sobre o plano odontológico empresarial preços e ter excelentes atendimentos.

Como fazer o tratamento das lesões que são frequentes?

Existem alguns casos em que a pessoa teve a lesão, melhora e depois de algumas semanas ou poucos meses, ela tem novamente, e às vezes pode comprometer até as áreas mais extensas da pele, ao redor da boca, geralmente causando muito incômodo, porque sou muito frequentes.

Nesse caso, existem algumas opções, e o tratamento é chamado de supressão, então, esses mesmos medicamentos que é usado durante a crise mais intensa do herpes, é possível usar numa dose mais baixa, mas por um período bem prolongado, geralmente, por meses.

Isso tende então, a diminuir muito a intensidade E a frequência das crises, então o objetivo é realmente conseguir expulsar e deixar essas crises menos extensas.

Existem outros medicamentos que também podem ser usados para ajudar neste processo de supressão, mas é importante procurar o profissional.

Como fazer a prevenção da herpes labial?

Quando o paciente se encontra infectado, e quando as lesões estão visíveis na parte da cavidade oral, é necessário tomar cuidados para que o vírus não se espalhe para as demais pessoas, seja por meio de saliva ou até mesmo toque.

Por isso, para fazer a prevenção, ela deve ser baseada nos meios mais comuns de comunicação, então é importante evitar o contato evitar beijos em caso das crianças até mesmo colocar a mão na boca frequentemente.

Pessoas que fazem a utilização de aparelho através do plano odontológico que cobre aparelho e manutenção, deve se atentar ao ficar colocando a mão na boca, porque a junção das bactérias podem se acumular no aparelho, e dependendo da situação, o paciente poderá levar a herpes para contaminar outras partes do corpo.

Então essas bolinhas os lábios podem indicar a herpes e se ela for tratada Logo no início, é possível que o paciente se livre rapidamente delas, elas são de fácil identificação, porque primeiro nasce essas bolinhas, depois cria uma secreção e elas passam a expelir para fora.

O tratamento pode ser feito de forma natural, deixando ela sumir por si só ou até mesmo procurar um especialista, ele irá indicar medicamentos orais ou até mesmo pomadas, mas é importante não se automedicar.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade